Lucas Machado e Luana Mendes Roveri realizaram a prova no último mês e foram aprovados na primeira fase da Olimpíada.

Lucas Machado, 14 anos, e Luana Mendes Roveri, 15 anos, ambos matriculados no nono ano do Ensino Fundamental II das Escolas Padre Anchieta, participaram da 21º Olimpíada Brasileira de Astronomia e Astronáutica (OBA) e foram classificados para a segunda fase.

Lucas e Luana explicaram que tudo começou com um projeto de robótica. O projeto, que faz parte da MOBFOG (Mostra Brasileira de Foguetes), consiste no desenvolvimento e lançamento de foguetes, sendo medido o percurso do artefato para a classificação dos participantes. Um dia antes do lançamento, que aconteceu no Campus Universitário Prof. Pedro C. Fornari, os alunos realizaram uma prova escrita, cujas questões versaram sobre noções básicas de matemática e de astronomia.

“Foi legal ter essa experiência e eu aprendi bastante sobre os planetas; aprender astronáutica também foi muito legal”, relata Lucas. O estudante afirmou que pretende seguir os estudos na área da Robótica, pois se identifica muito com a área. Sobre a etapa de lançamento dos foguetes, comenta: “Eu achei que o meu foguete não ia subir, mas eu acabei ficando em segundo lugar”.

“É muito legal a gente ter essa oportunidade de representar o Anchieta. Eu gostei muito de ter feito a prova, por poder pensar em várias coisas, não só em matemática ou em português. Achei muito legal o incentivo do professor para que a gente participasse”, comenta Luana, que afirma pretender cursar Medicina e se especializar em neurocirurgia.

Os estudantes agora participarão de um simulado, a fim de conhecerem o sistema online da OBA, e posteriormente irão realizar a primeira prova online oficial, de nível internacional. Lucas e Luana afirmaram que estão muito felizes em participar da olimpíada e que estão ansiosos para fazer a primeira prova oficial e, se tudo der certo, seguirem na competição.

botao-escolas

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor escreve seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui