Cláudia Yunes Teixeira e Wildson Francisco Souza Silva pesquisaram a reação de gestantes diante do diagnóstico de infecção pelo Zika Vírus

Já dizia a célebre enfermeira inglesa Florence Nightingale (1820-1910):

Escolhi os plantões, porque sei que o escuro da noite amedronta os enfermos.
Escolhi estar presente na dor porque já estive muito perto do sofrimento.
Escolhi servir ao próximo porque sei que todos nós um dia precisamos de ajuda.
Escolhi o branco porque quero transmitir paz.
Escolhi estudar métodos de trabalho porque os livros são fonte de saber.
Escolhi ser Enfermeira porque amo e respeito a vida!

Foi com esse sentimento que Cláudia Yunes Teixeira e Wildson Francisco Souza Silva, estudantes da graduação em Enfermagem do UniAnchieta, realizaram seu trabalho de conclusão de curso e deram um passo muito importante em sua carreira de pesquisadores.

foto-pesquisa-de-estudantes-de-enfermagem-1

A pesquisa dos estudantes, intitulada “Percepções de mães diante do comunicado do seu diagnóstico ZIKV positivo”, realizada sob a orientação da professora Maria Manoela Duarte Rodrigues, foi apresentada no 36th Annual Meeting of the European Society for Paediatric Infectious Diseases (ESPID 2018), realizado entre os últimos dias 28 de maio e 2 de junho, na cidade de Malmö, na Suécia.

O objetivo da pesquisa foi identificar as percepções de gestantes ao receberem a comunicação do seu diagnóstico Zika Vírus positivo e promover uma reflexão sobre o preparo do profissional médico e suas impressões ao fazer o comunicado.
O estudo foi realizado na Coorte Zika Vírus de Jundiaí, coordenada pelo médico Dr. Saulo Duarte Passos, responsável pelo Departamento de Pediatria da Faculdade de Medicina de Jundiaí (FMJ).

Sobre a importância do trabalho, a professora Manoela, especialista em Enfermagem Obstétrica, comenta: “A gravidez por si só já envolve um misto de sentimentos na mulher, e gestar em tempos de Zika Vírus não está fácil, pois há o medo de ocorrência de malformações e da microcefalia. É preciso entender como o diagnóstico está sendo comunicado para essas mulheres e como os profissionais médicos estão lidando com isso”.

O estudante Wildson comenta a experiência e planeja os próximos passos: “Estamos muito felizes, e o trabalho não para por aí, pois agora vamos preparar todo o nosso material para publicá-lo”. Para Cláudia, o sentimento é de orgulho: “Valeu todo o esforço”.

Se você deseja cursar Enfermagem, inscreva-se para o vestibular do UniAnchieta.

botao-agende-o-vestibular

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor escreve seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui